Para abrir as Postagens é só clicar. nos Temas

segunda-feira, julho 20, 2015

EU NÃO VOU SAIR DAQUI, NÓS NÃO VAMOS SAIR DAQUI

Sermão Bíblico
Desde Gênesis o povo tinha tendência de se fixar em um determinado lugar, mas se isso fosse permitido por Deus, não haveria expansão populacional e muito menos o mundo cresceria e se desenvolveria em todos os seus aspectos. Foi justamente por esse motivo entre outros, que Deus resolveu espalhar a primeira geração da terra.
O mesmo aconteceu com a Igreja mãe em Jerusalém, crescia de forma esplendida, mas, não se via no caminho missionário. Deus por intermédio de Saulo levantou uma grande perseguição e foi o suficiente para espelhar a Igreja constituída de judeus, que estava tão acomodada em seu território. Portanto, o Ide de Jesus estava por cumprir, mas com força foi cumprido.
Gênesis 11: 1, 2, 4, 5 e 8
1 Ora, em toda a terra havia apenas uma linguagem e uma só maneira de falar.
2 Sucedeu que, partindo eles do Oriente, deram com uma planície na terra de Sinar; e habitaram ali.
4 Disseram: Vinde, edifiquemos para nós uma cidade e uma torre cujo tope chegue até aos céus e tornemos célebre o nosso nome, para que não sejamos espalhados por toda a terra.
5 Então, desceu o Senhor para ver a cidade e a torre, que os filhos dos homens edificavam;
8 Assim, o Senhor os dispersou dali pela superfície da terra; e cessaram de edificar a cidade.
Mateus 28:19,20
18 E, aproximando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra.
19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;”
A PERSEGUIÇÃO IDEOLÓGICA DAS IGREJAS
Os cristãos do segundo e terceiro séculos lutavam não só contra o mundo pagão, mas também contra as heresias e doutrinas corrompidas dentro da própria igreja. Hoje não é diferente tanto dentro de algumas igrejas como fora, que dificultam a pregação genuína da Palavra de Deus. Mais atrapalham, do que prestam de fato um serviço cristão a Deus.
Jerusalém, Judéia e Samaria.
Jerusalém não era o lar dos apóstolos, mas era a cidade principal da Judeia, o centro da vida religiosa, política, econômica e cultural dos judeus.
A ordem de Jesus para os apóstolos e o seus discípulos era para testemunharem em Jerusalém, isso não era tarefa nada fácil, haja vista que Jerusalém era um lugar muito hostil e intimidador para realização de tal missão.
Judeia cujo nome era terra dos judeus considerada o lar mais puro do judaísmo, com certeza a resistência da parte de alguns judeus era inevitável.
Samaria era totalmente oposta considerada uma raça mista por esse motivo era cidade rival desde o sec. VIII. A. C. 
 A ORDEM DE JESUS ERA PARA FICAR EM JERUSALÉM.
“E, estando com eles, determinou-lhes que não se ausentassem de Jerusalém, mas que esperassem a promessa do Pai, que (disse ele) de mim ouvistes”. (At. 1: 4). Sua última aparição após sua ressurreição.
a) Últimas palavras proféticas de Jesus antes da sua ascensão aos céus
“Mas recebereis poder, ao descer sobre vós o Espírito Santo, e ser-me-eis testemunhas, *tanto em Jerusalém, como em toda a Judéia e Samária, e até os confins da terra”. (At. 1:8).
*Tanto: Significa – igual quantidade, o dobro, tantas vezes, com tanta frequência.
As primeiras palavras de Jesus aos seus discípulos logo após sua ressurreição foi sobre a Grande Comissão, o Ide. (Mt. 28: 10, 16, 18, 19).
10 “Então lhes disse Jesus: Não temais; ide dizer a meus irmãos que vão para a Galiléia; ali me verão”.
16 “Partiram, pois, os onze discípulos para a Galiléia, para o monte onde Jesus lhes designara”.
18 “E, aproximando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra”.
19 “Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;”
b) A Visão distorcida dos discípulos
10Estando eles com os olhos fitos no céu, enquanto ele subia,... dois varões vestidos de branco, 11 os quais lhes disseram: Varões galileus, por que ficais aí olhando para o céu?...” (At. 1: 10, 11).
Os discípulos não entenderam mas não era hora de ficar olhando para cima, mas era hora de olhar para frente, para os campos brancos para ceifa. 35 “Não dizeis vós: Ainda há quatro meses até que venha a ceifa? Ora, eu vos digo: levantai os vossos olhos, e vede os campos, que já estão brancos para a ceifa”. (Jo. 4: 35). Primeiramente a ordem era para ficar em Jerusalém, isto significava preparação e capacitação para futura obra.
Após a ordem de Jesus, os discípulos prontamente obedeceram foram para Jerusalém. Reunidos em oração escolheram Matias para ocupar o lugar de Judas. (At. 1: 26).
Exatamente no Dia da Festa de Pentecostes a promessa de Deus se cumpriu, sobre seu povo logo após os sinais todos foram cheios do Espírito Santo. (At. 2: 4).
Pedro até antes do Pentecostes era um dos piores apóstolos, mas assim que foi revEstido  com o Espírito Santo, levantou-se com a Sabedoria de Deus e pregou um dos maiores sermões de todos os tempos, conhecido com Prédica (At. 2: 14-41). E no verso 41 diz que quase tres mil almas se converteram.
 A união e a prosperidade da igreja
 Atos 2: 42-47
  1. Perseveravam nos ensinos dos apóstolos, na comunhão, na Ceia, nas orações.
  2. Havia temor, e os apostolos faziam sinais e muitas maravilhas.
  3. Diz a Palavra que todos estavam juntos unidos e tinham tudo em comum.
  4. Vendiam sua propriedades e ajudavam os menos favorecidos.
  5. Todos eram unidos e perseveravam todos os dias no templo, e partiam o pão em casa, comiam juntos, unidos com alegria, com singeleza, simplicidade de coração.
  6. Louvavam a Deus e o povo se agradavam dos irmãos, e todos os dias o Senhor acrescentava à igreja aqueles que se haviam de salvar.
Imaginem como era essa igreja, que além das quase três mil almas batizadas, o Senhor ainda estava acrescentando todos os dias mais pessoas convertidas. Estavam abastados e sossegados.
Restorspectiva (At. 2: 42-47). Eu não vou sair daqui, nós não vamos sair daqui.
Mas o tempo foi passando e a igreja estava fincada em Jesrusalém. Até que começaram sugir os problemas com os inimigos de Deus. “E crescia a Palavra de Deus, e em Jerusalém se multiplicava muito o número dos discípulos, e grande parte dos sacerdotes obedecia à fé”. (At. 6: 7).
Por volta do ano 35, um dos maiores diáconos da igreja Estevão um jovem muito usado por Deus, causou muita inveja e a revolta dos seus inimigos. E corajosamente pregou outro sermão poderosíssimo e isto lhe custou a própria vida. (At. 6: 8-15, 7:1-60).
Surge na história da igreja um jovem por nome Saulo, que fazia parte do Sinédrio, era Doutor da Lei, Rabino fariseu zeloso pela Lei.
É justamente esse homem que Deus levantou para dispersar a igreja poderosa de Jerusalém.
Atos 8:1-4
1 “Naquele dia levantou-se grande perseguição contra a igreja que estava em Jerusalém; e todos exceto os apóstolos, foram dispersos pelas regiões da Judéia e da Samária”.
2 “E uns homens piedosos sepultaram a Estêvão, e fizeram grande pranto sobre ele”.
3 “Saulo porém, assolava a igreja, entrando pelas casas e, arrastando homens e mulheres, os entregava à prisão”.
4 “No entanto os que foram dispersos iam por toda parte, anunciando a palavra”.
CHEGOU A HORA DE SAIR, DE IR
Agora a igreja se via diante de um empasse: se ficasse seria presa e alguns mortos pela perseguição de Saulo. Chegou porém, a ordem de Jesus para ir as nações. Mateus 28: 19, 20.
O Ide: Requer: conversão, fé, unção, atitude, vontade, compromisso, convicção, preparo, planejamento, desprendimento. (Anunciar, proclamar, evangelizar).
O “Ide” faz parte da “vontade e ordem” do Senhor Jesus.
 Conclusão.
Todo o poder de Jesus é para garantir que seu trabalho seja bem feito não somente dentro das igrejas, mas também fora é um dos seus grandes objetivos.
Sua reunião foi definida o que seria a Grande Comissão. Missão não se limita a um culto tão somente, mas indo, antes que sejamos dispersos também.
A ordem imperativa é: Indo, pois, (portanto, logo).
Indo logo, ou seja, é algo urgente, é para agora, é tempo de correr, é tempo de fazer. Amém!


Prof. Me. Expedito Darcy da Silva Tel. (11) 98035-3916. Tim
Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...